Fechar janela | Imprimir página

Poesia Incompleta

Índice:

Quatro Amores de Cidade
Blue Moon
Bolero Lisboeta
Barcelona
São Paulo
Retratos dos Amores de um Adolescente Enquanto Cão
Imbecil Trova Amorosa
A Pretensão
Seus Desejos
Ansiedade Inútil
Rasgo
Rimbaud e Verlaine
Trova Numérica
Amor na Paulista
Sentimental
A Arte de Envelhecer
A Amante Virtual
Benjamin Baptista
Cosme Velho
No Glamour Night
Dia de Chuva
Eutanásia
Things Change
Haicai Malfeito
Segundo Haicai Malfeito
Preto e Branco
Occhi Neri
Por Coerência
Última Parte
Noite de Verão
Mãe
Meu Convite
A Morte do Coleiro
Tarde com Billie
Poesia sem Nome
Meu Amarcord


Seus Desejos

Sei o que você quer.
Não sou paranormal, clarividente,
nem possuo bola de cristal.
Mas eu a conheço muito bem.
Seus desejos fazem parte
dos meus desejos.

É difícil.
Naquele domingo que lhe virei as costas,
matei-a afogada numa garrafa de vodca.
Hoje em dia quero lhe mandar um recado.
Escrever num outdoor
com letras garrafais:
"DESISTA, MINHA GATA,
VOCÊ NÃO EXISTE MAIS."


=>